A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Passo de Torres recebeu 2,4 milhões de reais em recursos, que serão destinados a construção de uma nova sede. Os valores são provenientes de repasse do governo de Santa Catarina para instituições especializadas em Educação Especial de 39 municípios do Sul do estado.

Fundada em dezembro de 2004, a APAE desenvolve suas atividades no município em um prédio alugado e sem as adequações necessárias para atender seu público alvo.

A prefeitura de Passo de Torres destaca que a construção da sede própria trará economia, modernidade e uma melhoria no atendimento as mais de 100 famílias associadas atualmente.

A associação tem em seu grupo de educandos com deficiência intelectual e múltipla, Transtorno do Espectro Autista, Transtorno Global do desenvolvimento e síndromes. Para atender esta demanda, além de professores, contam com uma equipe técnica de fonoaudiologia, terapia ocupacional, fisioterapia, assistência social, pediatra, neurologia e psicologia.

Foto: ASCOM PMPT

Fonte: ASCOM PMPT