Entre os dias 20 e 22 de junho, Torres participou do 13º Festival das Cataratas realizado em Foz do Iguaçu, Paraná, evento que superou as expectativas de seus organizadores. Fechou a edição com bons resultados e contou com a participação de 8430 pessoas. Muitos desses  participantes estiveram nas 52 caravanas do evento, sendo 45 nacionais  e sete internacionais e circularam pelos eventos paralelos e complementares do Festival. Torres esteve representada pelo secretário de Turismo, Alexandre Porcatt, a diretora de Cultura, Maria do Carmo Conforti Rodrigues, e o diretor de eventos, Denver Reginato.

De acordo com o secretário, a atividade foi bastante produtiva para o município, pois
Torres foi apresentada para muitas operadoras de turismo e agentes de viagens, sendo inclusive iniciada a negociação para a realização de um Famtour de agentes na cidade. Neste evento, o destino Torres será apresentado com detalhes de informações aos profissionais. Entre outros representantes da cidade, se encontrava a presidente do Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares, Ivone Ferraz.

Na Feira de Turismo e Negócios, em 231 estandes montados no Rafain  Palace Hotel & Convention, 1092 marcas foram expostas, mostrando o que  há de melhor em produtos e serviços turísticos da América do Sul, África e Ásia. Para dar visibilidade para tudo  isso, 218 jornalistas da imprensa especializada em turismo estiveram  no evento, provenientes de todo o Brasil, além de Estados Unidos,  Espanha, Inglaterra, Líbano, Argentina, Paraguai, Peru, Chile e Nepal.
Na edição anterior do Festival das Cataratas, que é uma realização da Secretaria Municipal de Turismo de Foz do Iguaçu, a servidora Maria do Carmo Conforti Rodrigues foi premiada com um trabalho numa atividade paralela ao Festival, o Fórum Internacional de Turismo. Com o artigo “O turismo  sob a ótica da legislação municipal”, onde foi contemplada com a  participação no livro com tema Cidades Criativas. Este ano  houve a entrega de exemplares a quatro artigos participantes, sendo que o exemplar de Maria do Carmo foi entregue pelo dr James Kennell, professor da  Universidade Greenwich, Reino Unido.