A Secretaria de Segurança Pública o RS divulgou na quinta-feira,11, os indicadores criminais com dados de outubro. Além de retomar a tendência de queda verificada ao longo do ano, o mês de outubro encerrou com a maior redução no número de homicídios nos últimos dois anos.

Em outubro de 2021 no litoral Norte houve uma queda considerável nos homicídios em relação a outubro de 2020 já que foram registrados 5 homicídios sendo 2 em Capão da Canoa, 1 em Imbé, 1 em Balneário Pinhal, 1 em Mostardas.

Em outubro de 2020 foram registrados 16 homicídios sendo 2 em Balneário Pinhal, 1 em Capão da Canoa, 3 em Cidreira, 2 em Imbé, 1 em Mampituba, 1 em Mostardas, 1 em Osório, 2 em Torres, 1 em Tramandaí e 2 em Xangri-Lá.

Em 2021, de janeiro a outubro o número de homicídios na região chega a 52. Sendo 1 em Arroio do Sal, 4 em Balneário Pinhal , 6 em Capão da Canoa, 4 em Cidreira, 6 em Imbé, 1 em Mostardas, 4 em Osório, 3 em Palmares do Sul, 1 em Santo Antonio da Patrulha, 3 em Tavares, 8 em Torres, 8 em Tramandaí, 2 em Xangri-Lá.

Em 2020, no mesmo período foram registrados no litoral Norte  87 homicídios sendo 2 em Arroio do Sal, 4 em Balneário Pinhal, 3 em Capão da Canoa, 10 em Cidreira, 1 em Dom Pedro de Alcântara, 11 em Imbé, 1 em Itati, 1 em Mampituba, 1 em Morrinhos do Sul, 6 em Mostardas, 10 em Osório, 4 em Palmares do Sul, 7 em Santo Antonio da Patrulha, 6 em Tavares, 6 em Torres, 11 em Tramandaí e 4 em Xangri-Lá.

Em todo o Estado, foram registradas 118 vítimas, o que representa 31,8% menos do que as 173 do mesmo mês no ano anterior – ou 55 vidas preservadas. Queda percentual maior do que essa só ocorreu em agosto de 2019 (-39%). O total atual é também o menor para outubro desde 2007, quando houve 107 óbitos. Em relação ao pico da série histórica, quando o RS teve 231 pessoas assassinadas no 10º mês do ano, a retração é de quase metade.


Fonte: SSP / JPL