Quarenta e seis aves silvestres, que eram mantidas em cativeiro de forma irregular em Capão da Canoa, foram devolvidas para a natureza nesta semana.

A soltura foi realizada por técnicos do Balcão de Licenciamento Ambiental Unificado do Litoral Norte.

Os pássaros, das espécies coleiro, azulão, canário-da-terra, trinca-ferro, entre outras, foram apreendidos em uma operação realizada pelos Batalhão e Pelotão da Brigada Militar, com a participação da Sema e da Vigilância Sanitária.

Outros 11 animais – com anilhas – foram levados para o Ibama ou ficaram sob os cuidados de um fiel depositário.

Os criadores tiveram suas licenças suspensas e serão submetidos a processo administrativo e criminal.

Fonte: Litoral Mania