No dia 1º de dezembro, Arroio do Sal passou a oferecer consultas por meio da telemedicina, com médicos especialistas atendendo na rede pública de saúde do município.

Segundo o prefeito de Arroio do Sal, Affonso Flávio Angst (Bolão), a administração pública, por meio da Secretaria Municipal da Saúde, buscou alternativas para a agilidade das consultas, então implanta o projeto piloto de telemedicina, com o objetivo de reduzir o tempo e a fila de espera por atendimentos, sem prejuízos para a qualidade da consulta médica.

A empresa Medical Prime está desenvolvendo o Projeto sem custos para o município, visando, ao mesmo tempo, humanizar o atendimento médico da telemedicina e reduzir a espera dos pacientes.

Como funciona a telemedicina?

Através de protocolos de atendimento, uma enfermeira responsável pela triagem acompanha o paciente, auxilia na conexão com o médico remoto e na impressão de receitas e requisições de exames, além de registrar previamente os dados de acolhimento.

A primeira consulta via telemedicina realizada em Arroio do Sal, dando início ao Projeto foi no dia 1º de dezembro, com o especialista em traumatologia, Dr. Daniel Souto, que atendeu a paciente Susana de Souza Santos, em uma consulta que durou cerca de 25 minutos. Segundo Suzana, foi uma experiência nova que lhe trouxe tranquilidade e confiança.

“A consulta foi muito legal. O Dr. Daniel me deixou muito à vontade. Me fez diversas perguntas, trocamos algumas ideias, me passando muita confiança sobre o meu caso de saúde. Me orientou sobre alongamentos, me passou uma receita virtual e solicitou um exame de imagem. Fiquei muito satisfeita com essa proposta do município implantar esse sistema virtual. A população só tem a ganhar”, afirma Suzana.

De acordo com o secretário municipal da Saúde, Diego Feldmann, o projeto ajuda a entender como a telemedicina poderá contribuir com a administração pública agilizar as consultas programadas, mantendo a qualidade e rapidez no diagnóstico e no tratamento prescrito. Além disso, o secretário ressalta “que a implantação desses protocolos de atendimentos torna a experiência mais humanizada e menos mecânica, trazendo maior conforto ao paciente.”.

A empresa disponibilizou, de forma gratuita, todo o sistema informatizado de atendimento de acordo com a LGPD e padrão ICP, seus protocolos internos, os computadores, além de dois médicos e equipe de implantação. Ao Município de Arroio do Sal coube apenas a indicação de uma enfermeira, acesso à rede de internet e do local para o atendimento.

A proposta da telemedicina é proporcionar à rede pública de saúde o acesso a medicina, geral e especializada, reduzindo o tempo de espera para o atendimento e classificando, conforme o risco, aqueles pacientes que demandam atendimento urgente, compartilhando informações com o atendimento presencial.

:: Quer receber as notícias da Prefeitura de Arroio do Sal no seu celular? Basta salvar o número (51) 3687-3550 na sua agenda e enviar uma mensagem com o texto: “Notícias”.

Fonte: Ascom PMAS / Melissa Maciel