Em cidades do Litoral Norte, aconteceram sete prisões em mais uma edição da Operação Hoplitas da Brigada Militar, entre a sexta-feira (29/7) e o domingo (31). As ações de policiamento incluíram a abordagem de 353 pessoas, fiscalização de 259 veículos e assinatura de quatro termos circunstanciados.

Entre as principais ocorrências no período da Operação está a prisão de uma mulher e seu filho por tráfico de entorpecentes, em Caraá, com a apreensão de 63 porções de cocaína, 58 pedras de crack, 73 porções de maconha e sete tabletes da mesma droga, sete celulares, um carregador de tornozeleira eletrônica e a quantia de pouco mais de R$ 3 mil.

No centro de Tavares, ocorreram as prisões de um homem e uma mulher, também por tráfico de drogas, oriundos de Porto Alegre e que integravam um grupo criminoso. Eles comercializavam entorpecentes na cidade e foram presos com 64 pedras de crack, uma porção de 10 gramas de cocaína e cinco pinos contendo a mesma droga.

Já em Cidreira, 15 pedras de crack, 15 porções de cocaína e três de maconha foram encontradas com um indivíduo, que foi preso.

Em Tramandaí, cinco pessoas foram apresentadas na Delegacia de Polícia após policiais militares realizarem a abordagem de um veículo no qual as mesmas estavam, a partir de denúncias de que seriam estrangeiros que haviam cometido furtos em uma loja na cidade. Os indivíduos estavam com roupas e outros objetos supostamente furtados e sendo feito contato com o proprietário do estabelecimento comercial onde teria ocorrido o crime, ele reconheceu como sendo de sua loja os materiais apreendidos. Com trabalho de inteligência, foi apurado que as pessoas estavam hospedadas há pouco mais de um mês em um hotel, em Tramandaí.

Outras prisões aconteceram devido ao cumprimento de mandados em Capão da Canoa e Torres

As ações na Operação Hoplitas foram realizadas por efetivo de seções administrativas e de inteligência e do Canil do Comando Regional de Polícia Ostensiva do Litoral (CRPO Litoral), e guarnições de policiamento ostensivo e de Força Tática de seus Batalhões vinculados – 8º BPM e 2º BPAT.

Fonte: Ascom CRPO-L

>> Receba as notícias da Maristela sobre o Litoral Norte gaúcho e o Sul catarinense no seu WhatsApp! Clique aqui e fique bem informado.