Em novo Boletim Epidemiológico emitido pela 18ª Coordenadoria Regional de Saúde (18ª CRS) na noite de quarta-feira, 24 de junho, às 22h, os dados demonstrados trazem preocupação em relação a permanência da região na bandeira vermelha ou até mais restrições com a preta.

Segundo os dados do último Boletim, o Litoral Norte possui ao todo 22 leitos em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) destinados aos pacientes positivos e suspeitos de Covid-19, os quais atingiram a maior taxa de ocupação com 86%.

Ou seja, no atual momento, o Litoral Norte possui somente 3 leitos disponíveis. De acordo com a coordenadora regional de saúde, Magda Bartiskoski, “se a população do Litoral Norte não manter os protocolos de isolamento social e o uso de máscaras, passaremos para a bandeira preta, a mais restritiva do Modelo de Distanciamento Controlado.

Central de Jornalismo – Rádio Maristela