Um caminhoneiro de Santa Rosa do Sul, no Sul catarinense, foi libertado do cativeiro em Osasco/SP, após quatro dias de sequestro na manhã de ontem, terça-feira, 17 de agosto.

A notícia foi dada durante a entrevista com o delegado da Polícia Civil responsável pela Comarca de Santa Rosa do Sul, André Coltro, para a Rádio Maristela. De acordo com o delegado Coltro, o caso envolve o golpe do frete, crime que está ocorrendo com muita frequência, especialmente na região de São Paulo.

O caminhoneiro teria sido atraído por uma vantajosa oportunidade de trabalho de frete. Na última sexta-feira, 13 de agosto, ele foi assaltado e mantido em cárcere até a manhã de terça-feira, 17.

O delegado Coltro alertou os caminhoneiros da região do Litoral Norte gaúcho e Sul catarinense para estarem atentos a ofertas de trabalho fora do padrão de valores de mercado. Durante o sequestro, a família do caminhoneiro foi contatada pelos criminosos solicitando resgate, que não foi pago.

O caso foi concluído por meio de uma força-tarefa que integrou as Polícias Civis dos estados de Santa Catarina e São Paulo.