Na tarde de quarta-feira (29/09), a Prefeitura de Capão da Canoa, por meio da Secretaria de Cidadania, Trabalho e Ação Comunitária, junto à FADERS Acessibilidade e Inclusão, entregou novas Carteiras de Identificação da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista (Ciptea).

O Prefeito de Capão da Canoa, Amauri Magnus Germano, reforçou o compromisso com as políticas públicas de inclusão social. “Seguiremos trabalhando com intensidade nessa frente, pois sabemos da importância para as famílias envolvidas na causa”, diz.

De acordo com o presidente da FADERS, Marquinho Lang, o documento atende aos requisitos da Lei Federal 13.977/2020, também conhecida como Lei Romeo Mion (em referência ao filho do apresentador Marcos Mion), e ainda traz algumas inovações. “A Ciptea gaúcha terá um QR Code, em que será possível obter mais dados sobre a Pessoa com TEA além daqueles em que estão no documento físico, inclusive, tendo a geolocalização do endereço residencial”, explica.

Foto: Luiz Moraes/PMCC

Fonte: Bernardo Zamperetti/PMCC