O Ministério da Saúde (MS) decidiu prorrogar, até o fim do mês de novembro, a Campanha de Multivacinação para atualização da caderneta de vacinação de crianças e adolescentes de 0 a 14 anos.

A medida levou em consideração o número de vacinados até o momento que, segundo o órgão federal, ainda não foi suficiente para o aumento adequado das coberturas vacinais.

Os estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina vão seguir a orientação do Ministério da Saúde e, para isso, os governos pedem para seus municípios continuarem os esforços na busca e vacinação de crianças e adolescentes até 14 anos de idade para atualização da Caderneta de Vacinação com as vacinas do Calendário Nacional.

Dentre as vacinas previstas na atualização das cadernetas, estão a vacina BCG, que previne formas graves da tuberculose; a Tríplice Viral, que previne a caxumba, o sarampo e a rubéola; a febre amarela; e a polio, que protege contra a poliomielite. São vacinas que protegem contra mais de 20 doenças.

Os pais e responsáveis que estão com dúvidas sobre a situação vacinal dos filhos, devem levar a criança ou o adolescentes até um posto, com a carteirinha de vacinação em mãos, para verificar se todas as doses estão em dia. Para saber os locais, datas e horários de vacinação, a população deve procurar informações junto a secretaria de saúde do município de residência.