O Bispo da Diocese de Osório, dom Jaime Pedro Kohl, a cada semana escreve um artigo denominado a Voz do Pastor. Nessa semana seu artigo faz referência a uma mensagem do papa Francisco, Natal é você!

Dom Jaime afirma que acha a mensagem do papa genial e que vale apena relembrá-la para assimilar seu conteúdo por ocasião de mais um aniversário natalício do Filho Unigênito de Deus, ápice da manifestação da ternura de Deus.

Ao final do artigo, dom Jaime nos provoca para a reflexão. Confira o artigo na íntegra:

Natal é você!

Certamente não estamos acostumados a essa linguagem e compreensão do Natal. Mas é o papa Francisco que assim nos fala na sua mensagem natalina de 2016.

“O Natal costuma ser sempre uma ruidosa festa; entretanto se faz necessário o silêncio, para que se consiga ouvir a voz do Amor.

Natal é você, quando se dispõe, todos os dias, a renascer e deixar que Deus penetre em sua alma.

O pinheiro de Natal é você, quando com sua força, resiste aos ventos e dificuldades da vida.

Você é a decoração de Natal, quando suas virtudes são cores que enfeitam sua vida.

Você é o sino de Natal, quando chama, congrega, reúne.

A luz de Natal é você quando com uma vida de bondade, paciência, alegria e generosidade consegue luz a iluminar o caminho dos outros.

Você é o anjo do Natal quando consegue entoar e cantar sua mensagem de paz, justiça e amor.

A estrela-guia do Natal é você, quando consegue levar alguém, ao encontro do Senhor.

Você será os Reis Magos quando conseguir dar, de presente, o melhor de si, indistintamente a todos.

A música de Natal é você, quando consegue também sua harmonia interior.

O presente de Natal é você, quando consegue comportar-se como verdadeiro amigo e irmão de qualquer ser humano.

O cartão de Natal é você, quando a bondade está escrita no gesto de amor de suas mãos. Você será os ‘votos de Feliz Natal’ quando perdoar, restabelecendo de novo a paz, mesmo a custo de seu próprio sacrifício.

A ceia de Natal é você, quando sacia de pão e esperança, qualquer carente ao seu lado.

Você é a noite de Natal quando consciente, humilde, longe de ruídos e de grandes celebrações, em silêncio recebe o Salvador do Mundo.

Um Feliz Natal a todos que procuram assemelhar-se com esse Natal!”

Achei genial essa leitura e que vale apena relembrá-la para assimilar seu conteúdo por ocasião de mais um aniversário natalício do Filho Unigênito de Deus, ápice da manifestação da ternura de Deus, mediante a participação de uma jovem mulher numa simples e pobre aldeia da Galileia.

Embora bonito e aconselhável, permanecer junto ao presépio em contemplação, é muito pouco. Como o papa nos exorta é bom entrar no seu mistério e conteúdo. Se o fizermos em profundidade ele nos empurra para a praça pública, para o mundo que anda nas trevas e espera por sua luz, nos projeta para a missão, com o único desejo de tornar Jesus conhecido e amado por aqueles irmãos que ainda não tiveram essa graça.

Como diz o canto: “Natal é vida que nasce, Natal é Cristo que vem, nós somos o seu presépio e a nossa casa é Belém”. Natal pode ser você!

Para refletir: Como costumo viver o Natal? Participo de alguma celebração? Consigo silenciar um pouco para deixar-me embeber seu mistério de amor? Ou é um feriado como os demais? A que me inspira? Porque dar presentes para essa ocasião? Qual é o melhor presente que eu posso receber ou oferecer?

Textos bíblicos: Is 52, 7-10; Hb 1, 1-6; Lc 2, 1-14; Sl 97(98).

Você encontra os artigos semanais do bispo dom Jaime Pedro Kohl no site www.diocesedeosorio.org pode acompanhar no programa A Voz do Pastor na Rádio Maristela, aos domingos, às 8h50min.

Fonte: Ascom Diocese de Osório / Melissa Maciel