Uma mulher e uma criança caíram de uma mini montanha russa, conhecida como minhocão, na noite do último sábado, 17, em um parque de diversões instalado no Centro de Balneário Pinhal. As vítimas foram socorridas e levadas para o Posto de Saúde 24 horas do Município.
De acordo com a Prefeitura do Município, a criança não teve ferimentos e foi liberada após atendimento no posto de saúde. A mãe foi levada pelo SAMU para o Hospital de Tramandaí. Logo após o acidente, o secretário de Turismo de Balneário Pinhal, Edison
Machado, foi até o parque de diversões.
Conforme nota enviada aos veículos de comunicação pela assessoria de imprensa da Prefeitura, a administração do parque informou às autoridades que a mulher teria sofrido um mau súbito ainda com o aparelho em movimento. “Em seguida inclinou-se para a lateral caindo subitamente do trilho inferior do aparelho”, diz o comunicado.
O Parque segue funcionando, mas deve passar por nova vistoria nos próximos dias. Após o acidente, o secretário de Turismo andou no mesmo assento do aparelho e constatou que o sistema de segurança estava funcionando normalmente.
Veja nota da Prefeitura de Balneário Pinhal sobre o acidente:
A Prefeitura do Balneário Pinhal esclarece que está tomando todas as providências em relação ao acidente no Parque de Diversões, ocorrido sábado, 17 de fevereiro. Tão logo soube do ocorrido, o secretário Municipal de Turismo, Edison Machado se dirigiu ao local. Na oportunidade, a administração do parque relatou que uma senhora e uma criança caíram de uma mini montanha russa – minhocão – devido a um mau súbito da mãe, que começou a vomitar com o aparelho em movimento e, em seguida inclinou-se para a lateral caindo subitamente do trilho inferior do aparelho. Tanto a criança quanto a mãe foram prontamente atendidas. A criança foi atendida no Posto de Saúde 24 horas do Balneário
Pinhal e, após exames foi liberada sem ferimentos.
Já a mãe foi encaminhada pelo SAMU ao Hospital de Tramandaí, onde permanece em atendimento. Segundo boletim da Samu ela
apresentava hipoglicemia, que causa mau súbito e confusão mental. Foi medicada com glicose e soro para reanimá-la e segue em observação. O secretário Edison Machado andou no mesmo assento do aparelho no qual houve o acidente e constatou que o sistema de
segurança estava funcionando normalmente. Esclarece que o parque está plenamente regulamentado e passará por novas vistorias nos próximos dias para assegurar a total segurança dos brinquedos.