O Estado de Santa Catarina realizará a vacinação dos adolescentes, com idade entre 12 e 17 anos, contra a Covid-19 a partir de 1º de setembro, logo após finalizada a aplicação da primeira dose na população adulta, com 18 anos ou mais. A estratégia já havia sido autorizada pelo Ministério da Saúde (MS) e será realizada apenas com doses da vacina Pfizer, única aprovada pela Anvisa, até o momento, para a faixa etária.

Desta forma, os municípios catarinenses deverão destinar 10% das doses recebidas para vacinar os adolescentes com comorbidades, deficiência permanente grave, gestantes, puérperas e lactantes; e os outros 90% para a aplicação nos demais adolescentes, por faixa etária, sempre de forma decrescente, da maior idade para a menor, conforme o envio das doses pelo Ministério da Saúde.

Já o Rio Grande do Sul ainda não tem previsão para incluir esse grupo na campanha de imunização contra a covid-19. De acordo com orientação do governo federal, jovens entre 12 e 17 anos que não têm problemas de saúde poderão ser vacinados assim que as pessoas a partir dos 18 anos tiverem tomado a primeira dose. A previsão do RS para finalizar adultos acima de 18 anos é 30 de agosto.

Em Torres, a partir desta quarta-feira, 25 de agosto, segue a vacinação de 18 anos ou mais, sem agendamento, no posto Volante, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h, ou enquanto durarem os estoques.